Acesse nossas flores anteriores

GLICÍNIA

NOME POPULAR:      Glicínia, wistéria-japonesa    

NOME CIENTÍFICO: Wisteria sinensis, Wisteria floribunda

FAMÍLIA:                Leguminosas

DESCRIÇÃO:      Originária do Japão, a glicínia é uma trepadeira lenhosa volúvel, decídua e muito ramificada, de grande efeito decorativo neste  início de primavera. Tem crescimento vigoroso e inflorescências longas e pendulares. Há variedades com flores azuis, brancas ou róseas. É muito apreciada pelas abelhas.

FLORAÇÃO:         O florescimento ocorre no início da primavera e dura cerca de 20 dias, mas pode variar em função das condições climáticas da região.           

PROPAGAÇÃO:     Apesar de multiplicar-se por sementes, seu desenvolvimento e florescimento são mais rápidos quando a propagação se faz por estaquia. 

CULTIVO:             Desenvolve-se melhor em regiões de altitude e de clima frio. Plante a pleno sol, em solo fértil e com boa drenagem e não descuide das regas, particularmente durante a floração. Lembre-se porém que regar não significa encharcar.   Aceita poda de formação, que deve ser feita durante o outono.   

USOS
:
            A glicínia pode ser cultivada como trepadeira, arbusto e, para os aficcionados, também como bonsai. No jardim, é muito usada sobre muros, pérgolas, grades e caramanchões. Convém não esquecer que, por ser planta bastante ramificada e vigorosa, é necessário avaliar o espaço disponível antes do plantio.